Últimas Notícias

quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Líder atribui exoneração de Maia a boicote ao governo

Líder do governo na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), o deputado Ricardo Barbosa (PSB) disse que o governador João Azevêdo (PSB) não tinha outra opção que não fosse exonerar Fábio Maia (secretário executivo de Planejamento) e Yuri Simpson (presidência da PBPrev), ambos ligados ao ex-governador Ricardo Coutinho (PSB).

Barbosa acusa Maia e Simpson de boicotar o governo.


“São naturais [as exonerações]. Eram figuras que tinham assumido uma postura dissonante ao governo. O governador não tinha outra opção. Estava tendo boicote em algumas áreas e em outras ainda tem”, disse.

Ainda segundo Barbosa, “algumas figuras não compreenderam que João é governador”. “É um governo de continuidade, mas é um novo governo”, ressalta.

O líder do governo adotou cautela em relação a novas exonerações.

“O governador não tem necessidade de fazer arrastão, não é o estilo dele, diferentemente de alguns outros. Mas evidentemente quem não se alinhar 100%, não continuará. Notadamente nos cargos de comando”, concluiu Barbosa.


MaisPB 

Comente aqui com o Facebook: