quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Depois de suposta traição, mulher mata PM, se suicida e deixa carta. LEIA!

Na madrugada desta quarta-feira (26), uma enfermeira, identificada como Maria Janaína Nonato dos Santos, de 32 anos, matou o marido e depois se suicidou em Juazeiro do Norte. Antes, porém, a mulher escreveu uma carta pedindo perdão pelo ato. O homem, identificado como José Ivan Gonçalves Moreira, 40, era policial militar.
image
O ato aconteceu por volta de 1h, quando o PM dormia. Após pegar o revólver do marido, Janaína desferiu um único tiro contra a cabeça de Ivan, se suicidando em seguida. A arma do crime, um revólver calibre 38, foi encontrada com os dois cartuchos deflagrados.

A enfermeira, no entanto, redigiu uma carta para pedir perdão pelo ato. Fica subentendido, porém, que uma suposta traição motivou a ação da mulher. Conforme o tenente-coronel Wellington Alves, comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), Janaína havia lido uma carta de uma suposta amante a Ivan.

“Quero pedir perdão a todos pelo ato de desespero. Mas se eu não podia ficar sem ele, ela também não. Perdão B… (filha) eu te amo muito, mas estou cansada de ser um estorvo. Fui uma péssima mãe, esposa e profissional”, diz a enfermeira. Na carta, Janaína cita a filha do casal, de 12 anos, que permaneceu trancada em um quarto durante a ação.

O documento escrito traz também indicações à mãe da mulher acerca das contas e dos bens do casal, como casa, carro, moto e terrenos. “Eu não ia suportar vê-los sorrir pelas minhas costas”, completa. Junto à carta, a polícia encontrou R$ 3.426 em espécie e 2 celulares.
Todo o material recolhido foi entregue à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, que ficará responsável pelo caso.

Por Ângelo Lima

Major Jurandy agradece a passagem pelo a compahia de policia, e novo comandante fala sobre a sua expectativa. LEIA!

Despedindo-se do comando do 13º Batalhão de Polícia Militar, sediado em Itaporanga, o competente Major Jurandy Pereira Monteiro se dirige aos oficiais, praças e população do Vale do Piancó para agradecer a interação conseguida durante o tempo em que ficou à frente desta Unidade da Polícia Militar da Paraíba.
"Poucos tiveram, ou terão, a oportunidade de comandar o policiamento de uma região tão importante do Estado da Paraíba, como o Vale do Piancó, por isso, sinto-me privilegiado de ter conduzido o comando dessa unidade. Agradeço a Deus por proporcionar-me saúde, força, sabedoria, e, sobretudo pelos amigos que me permitiu angariar durante este ciclo de comando. 
Agradeço a toda população do Vale do Piancó pelo apoio que recebi, e, em especial, a população de Itaporanga que me concedeu a alegria de receber o título de Cidadão Itaporanguense. Agradeço aos Senhores Comandantes, Geral e Regional, pelo apoio e a confiança depositada. Credito a cada um dos companheiros do 13º BPM, oficiais e praças, todo o sucesso que obtive. 
Para mim foi um grande privilégio servir nessa unidade, pois, durante todo o meu comando, me deparei com homens dedicados e sabedores da sua missão. Que Deus abençoe a todos nós e o meu sincero muito obrigado", agradeceu o oficial que está indo agora para Comando de Policiamento Regional-CPR II/Patos, responsável pela segurança em todo o Sertão Paraibano.
Novo comandante do 13º BPM, major Guedes fala sobre a expectativa e o novo desafio que terá à frente da Unidade Militar no Vale do Piancó...
Nomeado nesta terça-feira (25) novo comandante do 13º Batalhão de Polícia Militar, sediado em Itaporanga, o major Antônio Guedes Neto fez um balanço da sua gestão à frente do 6º BPM/Cajazeiras e fala da expectativa de seu novo desafio na Unidade de Itaporanga, que compreende todo o Vale do Piancó e é o maior de todo o Sertão.
Major Guedes começa dizendo que as mudanças na Polícia Militar são normais e rotineiras e disse que recebeu a nova missão como oportunidade e mostrar seu serviço ao povo do Vale.
Pontuou que conhece o trabalho desenvolvido pelo seu amigo também major Jurandy e que buscará parceria de toda a população para juntos desenvolver bom trabalho no Vale do Piancó. 
Por Ricardo Pereira e Diário do Sertão

Dois homens assaltam correspondente bancário em cidade no Sertão da Paraíba. LEIA!

Mais um assalto a mão armada ocorreu na cidade de Itaporanga. Desta vez, o alvo foi um dos maiores correspondente bancários, que fica defronte com a Agência do Banco do Brasil, o Pag Fácil, do empresário e vereador Jacklino Porcino. O assalto aconteceu por volta das 12:30h desta quinta-feira (27).
De acordo com as informações, dois homens em uma moto de cor preta, um deles portando uma mochila nas costas, anunciaram o assalto e exigiram todo o dinheiro do caixa.
A Polícia acredita que os criminosos podem ter utilizado como rota de fuga, a Rodovia Estadual PB-386, que dá acesso ao município de Boa Ventura, mais que podem também ter entrado no sentido Pedra Branca.
O estabelecimento teve que fechar suas portas para calcular o tamanho do prejuízo e o recolhimento das imagens do circuito interno de monitoramento. O último registro da mesma natureza aconteceu no dia 11 de novembro.
Dezenas de homens da Polícia Militar estão em diligências para tentar identificar os assaltantes.
Mais informações a qualquer momento. 
Diamante Online

Atletas paraibanos ganham 11 medalhas nos Jogos Paralímpicos. LEIA!

Os atletas da Paraíba começaram bem as disputas dos Jogos Paralímpicos que estão sendo realizados em São Paulo, esta semana. No segundo dia de competições, o Atletismo garantiu 11 medalhas para os paraibanos. Além disso, a equipe do Goal Ball já está nas semifinais, após duas vitórias nesta quarta-feira (26). O Governo do Estado apoiou com o transporte para a delegação, por meio da Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer.

"Os para-atletas sempre vêm dando alegrias ao estado da Paraíba, trazendo um excelente quantitativo de medalhas. As paralimpíadas escolares brasileiras representam a mais importante competição do para-desporto escolar do Brasil e por isso o Governo do Estado, pelo quarto ano seguido, fez questão de arcar com as passagens de avião de toda a delegação", falou o secretário da Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer, Tibério Limeira.

O time de Goal Ball venceu o Pará por 10x0 e também o Rio Grande do Sul, mas pelo placar de 11x1. Com isso, a equipe está garantida nas semifinais do torneio e vai enfrentar a Bahia nesta quinta-feira (27).

Já no Atletismo os medalhistas foram os seguintes:

Bruna Dias - Ouro no arremesso e peso e Prata nos 100m rasos

Silvana Cardoso - Prata nos 100m rasos

Maria Eduarda Santos - Prata nos 100m rasos

Daniel Pablo - Bronze nos 400m rasos

Joéferson Marinho - Ouro no lançamento de dardo e prata nos 400m rasos

Elivélton Pinto - Ouro nos 400m rasos e Ouro no Salto em Distância

Vanessa da Silva - Ouro no arremesso de peso

Felipe dos Santos - Ouro no lançamento de dardo

Os jogos seguem até esta sexta-feira (28) na cidade de São Paulo-SP e são disputados por atletas de 12 a 17 anos.


MaisPB com Assessoria

“Pode criar tapurus nas celas que não podemos fazer nada”, reage secretário à denúncias do CEDH no presídio do Róger. LEIA!

O secretário da Administração Penitenciária, Walber Virgolino, esclareceu, nesta quinta-feira (27), denúncias do Conselho Estadual de Direitos Humanos na Paraíba (CEDH-PB) de superlotação; vedação de ventilação de celas como forma de castigo coletivo; falta de higiene em celas, internos ainda não condenados definitivamente, submetidos à condição desumana; na Penitenciária Modelo Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Róger, localizada em João Pessoa (PB).

Walber Virgolino reconheceu que alguns problemas denunciados pelo Conselho são verdadeiros, mas ressaltou que em vários casos o Governo do Estado não pode fazer nada, exemplificando a questão da superlotação.

“O problema do sistema prisional não é só nosso, são várias vertentes: se prende mal, se julga mal. Nós apenas custodiamos os presos”, afirmou.

Com relação à sujeira e internos amontoados em condições sub-humanas em celas, o secretário disse que o Estado não pode fazer nada. “Pode criar tapurus nas celas que não podemos fazer nada. Só podemos fazer a limpeza nos corredores. Nas celas a higiene deve ser feita pelos detentos”, disparou.


MaisPB

Juiz pede pauta e TRE deve julgar escândalo da Fazenda Cuiá já na próxima semana. LEIA!


Juiz pede pauta e TRE deve julgar escândalo da Fazenda Cuiá já na próxima semana
Ricardo e Arimatéia Camboim
Com o título "TRE pede pauta para julgar Caso Cuiá" o colunista Clilson Júnior trouxe hoje em sua coluna a informação já na próxima semana (dia 03) o TRE da Paraíba deve julgar uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije). 

Esse caso que foi interposta pelo senador eleito José Maranhão (PMDB) contra o governador reeleito Ricardo Coutinho (PSB) acerca do escândalo da ‘Fazendo Cuiá’, onde o socialista é acusado de abuso de poder econômico e arrecadação ilícita de recursos para a campanha de 2010.

Quer ter mais informações sobre o Caso Cuiá?  

IMAGEM FORTE: vendedor é brutalmente assassinado e tem cabeça incendiada. LEIA!

O vendedor ambulante e autônomo, Edmilson Gonçalves, de 49 anos, foi encontrado morto, na manhã desta quinta-feira (27), na saída do município de Taperoá, no Cariri Paraibano. O corpo do vendedor foi achado com a cabeça incendiada.

Ele morava no Sítio Campo Grande, zona rural de Taperoá. Seu corpo foi encontrado há 300 metros da zona urbana de Taperoá, na estrada que dá acesso à cidade de Sumé e São José dos Cordeiros.
Segundo informações apuradas pela polícia, Edmilson Gonçalves foi visto pela última vez na companhia de outros dois homens, um deles já detido sob suspeita de participação no assassinato. Elton Gouveia era ex-presidiário, usuário de drogas e estava desaparecido até esta quarta-feira (27). Ele está detido e seu companheiro, que se dizia filho da vítima, está foragido.
A Polícia Civil apurou que Elton, o suspeito foragido e a vítima estavam bebendo nesta quarta em local próximo de onde o corpo foi encontrado. Segundo o depoimento de Elton, a vítima e seu amigo se afastaram do local onde estavam para pegar alguns cajus e apenas seu amigo voltou. A polícia acredita, entretanto, que os dois tiveram participação no crime.

Não há informações sobre o que teria motivado o assassinato e para dificultar o reconhecimento do corpo da vítima, sua cabeça foi incendiada junto a uma mochila com a qual ele andava contenho vários produtos supostamente utilizados para a comercialização.


MaisPB com De Olho no Cariri

Cobra sucuri com mais de 100kg é achada por pescadores em praia. LEIA!


Uma cobra sucuri da espécie 'eunectes murinus' foi encontrada por pescadores na quarta-feira (26), na Praia da Orlinha, em Itacaré, no sul da Bahia.

De acordo com Instituto Brasileiro de Meio Ambiente da Bahia (Ibama), o animal tem seis metros e mais de cem quilos.

A cobra foi recolhida por policiais da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental/Porto Seguro (CIPPA PS) e do Ibama e levada para a Serra do Conduru, onde foi devolvida à natureza.


G1

CDH divulga relatório sobre Presídio do Róger e denuncia condições sub-humanas. LEIA!

Assessoria


CDH divulga relatório sobre Presídio do Róger e denuncia condições sub-humanas Presos amontoados em condições sub-humanas; denúncias de aberturas de ventilação vedadas como forma de castigo coletivo; internos ainda não condenados definitivamente, submetidos à condição desumana. Essas são algumas das constatações do relatório de visita do Conselho Estadual de Direitos Humanos na Paraíba (CEDH-PB) à Penitenciária Modelo Desembargador Flósculo da Nóbrega, conhecida como Presídio do Róger, localizada na capital paraibana. O relatório foi divulgado nesta quarta-feira, 26 de novembro, pelo CEDH-PB, do qual o Ministério Público Federal (MPF) é órgão integrante.

Foram duas visitas: a primeira, não anunciada previamente, em 4 de novembro de 2014, não pode ocorrer dentro do presídio, em razão de uma operação "pente fino" que estava sendo realizada, na qual presos eram obrigados a correr nus sob vigilância da patrulha que se encontrava no estabelecimento prisional. Fotos foram tiradas deste procedimento e publicadas no relatório. A segunda visita foi realizada em 10 de novembro, mas os participantes não puderam entrar em todos os espaços do presídio. Verificou-se e documentou-se a situação de desorganização e contínua degradação do estabelecimento destinado a presos provisórios.

As piores situações foram constatadas na área denominada de "isolado", onde 11 internos estavam amontoados em condições sub-humanas, e nas celas de reconhecimento, destinadas à observação de recém-chegados: duas celas onde estão acomodados 21 e 38 homens, respectivamente.  Não há espaço suficiente para todos deitarem e os presos são obrigados a se revezarem para dormir.  

Imagens - As fotos divulgadas com o relatório falam por si da condição desumana dos recém chegados ao Presídio do Róger. São internos que ainda estão sob a presunção legal de inocência, pois não foram condenados definitivamente. Os internos denunciaram ainda que a direção do presídio veda as aberturas de ventilação das celas como forma de castigo coletivo. Outras constatações dizem respeito à ausência total de assistência médica, social, educacional e trabalho. Ainda foram visitadas as celas destinadas à diversidade homoafetiva e aos detidos em razão da Lei Maria da Penha.

Interdição - O relatório renova o pedido de interdição do Róger para recebimento de novos presos, dirigindo o apelo à Corregedoria Geral de Justiça, à Vara das Execuções Penais e à Vara de Penas Alternativas. O relatório será encaminhado, dentre outras autoridades, ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), tendo em vista que nenhuma das recomendações feitas pelo CNJ, durante inspeção na Paraíba, em 2012, está sendo cumprida.

Aprenda a controlar seu apetite em oito passos. LEIA!

Reduzir o consumo de açúcares e gorduras é a principal mudança.
 Em um contexto que engloba a correria do dia a dia e o aumento das ofertas de inúmeras tentações culinárias, fazer dieta realmente não é uma tarefa das mais fáceis - é preciso muita força de vontade.
A loucura da vida moderna nos suga todo o tempo livre e a comida fácil, rápida ou pronta como as redes de fast-food, ricas em gordura, sal e açúcares, ganha mais espaço nas prateleiras de supermercados, fachadas de lojas e deliverys, sempre pronta para nos fazer ganhar mais tempo com sua rapidez e praticidade. Isso sem falar nas propagandas com imagens deliciosas e altamente tentadoras que nos fazem, quase sem querer, sair do sofá para um rápido ataque à geladeira. Pensamos em comida quase o tempo todo - é um estímulo atrás do outro, e que nos faz comer cada vez mais e com pior qualidade, tornando-nos propensos ao sobrepeso, obesidade e desenvolvimento de doenças ligadas à má alimentação, como diabetes, hipertensão, colesterol alto, entre outros.
Mas comida vicia?

Diversos estudos vêm constatando a perigosa relação do açúcar, sal e gorduras no aumento da produção de hormônios que causam a sensação de bem estar, como a dopamina e a serotonina, neurotransmissores que aumentam a fome. Em um ciclo vicioso, a sensação de bem estar que alimentos ricos em açúcar, sal e gordura proporcionam é de pouca duração e para mantê-la é necessário recorrer cada vez mais às guloseimas e em doses cada vez maiores. Não é à toa que esses ingredientes são a base da comida fast-food.
Com os alimentos ricos em açúcar, a sensação de satisfação vai se desfazendo na medida em que a insulina, substância produzida pelo pâncreas, vai saindo de cena, e quanto mais a insulina cai mais o corpo pede por ela, aumentando assim as estatísticas do aumento de diabetes, principalmente entre crianças e adultos com obesidade.
Hoje a recomendação dada para o açúcar refinado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é a de no máximo 10% do total das calorias ingeridas diariamente. Ou seja, se sua dieta for de 2000 calorias, sua ingesta deverá ser de até 200 calorias, o que dá um pouco menos de 2 colheres (sopa) de açúcar refinado ao dia. O que poucos seguem.
Saber como controlar a fome é imprescindível para que você emagreça
O correto é trocar o açúcar refinado, cheio de calorias vazias, pelo açúcar mascavo, repleto de nutrientes importantes, como selênio, vitaminas do grupo B e zinco. Lembrando, porém, que esse açúcar tem calorias e não devemos exagerar nas quantidades. Para pessoas que tem diabetes ou obesidade, o mais indicado é o uso de adoçantes em substituição ao açúcar branco.

E a gordura?
Dizem que o limite entre o prazer e o vício é a perda de controle sobre a quantidade que se vai ingerir. Mas a grande dúvida é: comemos mais do que o necessário porque somos esfomeados ou somos esfomeados porque os alimentos ricos em açúcar e gorduras nos fazem comer mais? Todos sabemos que a gordura aumenta o sabor da comida, portanto é necessário não se tornar refém desse sabor.
A gordura executa um papel importante para o desenvolvimento e manutenção do nosso corpo e devem estar inseridas em nossa alimentação diária, mas é necessário escolher sempre boas fontes e evitar o excesso de gordura saturada, que está presente nas carnes, queijos e frituras. Gordura saturada em excesso aumenta o colesterol ruim, elevando o risco de doenças cardíacas.
Assim, algumas pessoas ao se darem conta que estão engordando resolvem iniciar dietas que prometem milagres sem ter que alterar muito seus hábitos alimentares, cortando de maneira aleatória grupos alimentares importantes para manter sua energia, saúde e imunidade em dia. 
Dietas malucas ou muito restritivas, como passar horas sem se alimentar, podem até trazer resultados rápidos, mas com certeza não serão duradouros, é muito complicado e difícil manter uma dieta aonde grupos inteiros devem ser cortados e a volta ao peso anterior se dará de forma rápida, o famoso efeito sanfona. Ter uma alimentação equilibrada e de bom senso, sem cortes radicais pode ser a melhor forma de você conseguir atingir seus objetivos, perder o peso em excesso sem comprometer sua saúde.
Como controlar seu apetite em oito passos
No corre corre diário é comum para algumas pessoas pular o café da manhã ou almoçar muito pouco, não se alimentando de maneira correta - e com isso, invariavelmente à noite sua fome estará incontrolável, e beliscar até a próxima refeição acabará sendo inevitável.
Saber como controlar a fome é imprescindível para que você emagreça, e alimentar-se a cada três horas é o primeiro passo para não correr o risco de se descontrolar e atacar tudo o que vier pela frente quando a fome chegar. Inverta de forma gradativa esse quadro, comece o dia com um café da manhã reforçado e vá diminuindo as quantidades do que você come no decorrer do dia.
Invista em atividade física, ela é fundamental para sua saúde e qualidade de vida. Ela ajudará você a emagrecer e se manter magro.

Mantenha uma alimentação balanceada, com todos os grupos alimentares, proteínas, gorduras boas e carboidratos de baixo índice glicêmico. Mudanças de estilo de vida são muito eficazes no tratamento de emagrecimento.

Aposte em alimentos termogênicos, capazes de aumentar o gasto calórico do organismo. Nessa lista, você encontra pimenta, chá verde, gengibre e outros
Faça check-ups periódicos, pois seu corpo precisa estar em equilíbrio para que você possa emagrecer sem riscos, e só fazendo os exames médicos da parte clínica, nutricional e hormonal você poderá detectar os entraves metabólicos que emperram a perda de peso
Aumente a ingestão de fibras, que além de melhorar o trato intestinal aumenta a sensação de saciedade.

Use medicamentos quando necessário, como no caso da obesidade, que é uma doença de causa multifatorial e complexa, que em muitos casos necessita ser tratada com diversas estratégias, inclusive com o uso de medicamentos, que devem ser usados de maneira criteriosa e após avaliação detalhada do histórico do paciente.

Diminua o estresse, pois estudos demonstram que o ganho de peso e os níveis de cortisol (conhecido como hormônio do estresse) estão intimamente ligados, ou seja, quanto maior o estresse, maior é o nível do cortisol e maior é a facilidade com que o indivíduo ganha peso. A má alimentação e sedentarismo fazem parte do círculo vicioso em que o indivíduo está inserido e para interromper este ciclo é necessário a adoção de hábitos e atividades que melhorem a qualidade de vida, como atividades ao ar livre, caminhadas e atividades lúdicas.

Diminua o consumo de açúcares e gorduras, pelos motivos descritos acima na matéria e segundo a Associação de Neurociências do Canadá, existem pessoas que são mais vulneráveis a se viciarem em alimentos pouco saudáveis, como os ricos em açúcares e gorduras, portanto evite-os!

Minha Vida

A redução da variedade de flores está matando as abelhas. LEIA!

Declínio das abelhas é generalizado em todo o Hemisfério Norte.
© J. S. Declínio das abelhas é generalizado em todo o Hemisfério Norte.
O quebra-cabeça que é o declínio geral das abelhas fica ainda mais complicado. A abelha europeia (Apis mellifera) e o resto dos insetos antófilos (que amam as flores) já tinham que lutar contra o vírus das asas deformadas, o fungo Nosema ceranae, o parasitaVarroa destructor, sofisticados inseticidas neonicotinóides ou o próprio aquecimento global. Agora, um estudo acrescenta mais um inimigo: a redução da diversidade de plantas e árvores florais provocada pela agricultura moderna.

mais informações

A Holanda é uma das regiões do mundo onde a agricultura mais avançou. Mais de 80% do território que era natural no início do século passado hoje é terra cultivada. Por isso, é um grande cenário real para estudar o impacto que a agricultura moderna está tendo sobre as abelhas. Aliados tradicionais dos agricultores, esses polinizadores estão desaparecendo em um ritmo alarmante, que alarmou os agricultores e os cientistas.
Um grupo de biólogos holandeses descobriu que há uma conexão entre a diminuição da diversidade floral e o declínio das abelhas. O trabalho deles se concentra nas espécies silvestres, mas suas conclusões podem ajudar a desvendar o colapso sofrido por muitas colmeias de abelhas melíferas.
“Os efeitos negativos do varroa, das doenças ou da quantidade de pesticidas pode ser reforçada por uma limitação da disponibilidade de comida”, diz o ecologista da Universidade de Wageningen e coautor do estudo, Jeroen Scheper. “Com as condições pioradas por um cenário de recursos escassos, as abelhas podem ser mais vulneráveis a estas ameaças. E o mecanismo pode funcionar em sentido inverso: os efeitos não-letais dos pesticidas podem afetar negativamente a eficiência forrageira das abelhas operárias, o que poderia ter um impacto maior quando a disponibilidade de recursos florais é baixa“, acrescenta.
As espécies de abelhas silvestres que se alimentam de rosáceas se multiplicaram
Scheper e seus colegas coletaram exemplares entre várias coleções de museus e taxidermistas de mais de 50 espécies de polinizadores silvestres. Eles queriam saber de quais flores elas se alimentavam antes que, a partir dos anos cinquenta do século passado, a agricultura se espalhasse por quase todo o território holandês. Mas estavam procurando mais o pólen que o néctar.
“O pólen é um recurso alimentício crítico para as larvas das abelhas, mas elas não se desenvolvem com o pólen de todas as espécies de plantas. Algumas espécies de abelhas só crescem com o pólen de um único gênero ou família, enquanto outras espécies coletam de uma grande variedade vegetal. Mesmo neste caso, no entanto, as abelhas têm preferências por determinados táxons e se desenvolvem menos com as variedades que atraem menos”, explica Scheper. “Pelo contrário, as abelhas são menos exigentes com o néctar, ou seja, as espécies que coletam o pólen de uma única variedade de planta também recolhem néctar de muitas outras variedades vegetais”, acrescenta.
Ao comparar com o pólen dos insetos empalhados, os pesquisadores comprovaram que as espécies atuais com maior queda são exatamente as que se alimentam de flores de plantas silvestres ou semissilvestres, que se tornam escassas, como algumas variedades de leguminosas antigamente cultivadas como forragem para o gado ou para rotação de culturas.
Seu estudo, recém-publicado na revista PNAS, também indica que as espécies de abelhas especializadas em rosáceas, em vez de diminuir, multiplicaram-se. Além das rosas, essa família de plantas inclui grande variedade de flores, árvores frutíferas e muitas outras plantas ornamentais, das quais a Holanda é forte exportadora.

Um ingrediente a mais no coquetel mortífero

Ainda que Scheper argumente que as conclusões de seu trabalho se concentram nas espécies silvestres de abelhas e zangões, a menor diversidade de flores se une ao conjunto de fatores que estão exterminando as abelhas melíferas. Talvez seja problema de visibilidade. Simplesmente, há menos estudos sobre o estado das populações silvestres.
A situação das abelhas silvestres pode ser pior”, diz o pesquisador Francesco Nazzi
“É possível que sua situação seja ainda pior, já que não há apicultores supervisionando as abelhas silvestres”, diz Francesco Nazzi, pesquisador da Universidade de Udine, na Itália. Em conjunto com Francesco Pennacchio, da Universidade de Nápoles, Nazzi acaba de publicar artigo na revista Trends in Parasitology que tenta sistematizar o que acontece com as abelhas.
Sua resposta é tudo. Longe de uma explicação simples e de causa única, uma tempestade perfeita, em que alguns fatores agravam os efeitos de outros, seria responsável pelo declínio das abelhas melíferas.
“Trata-se de um problema simples, a perda de colônias de abelhas melíferas no mundo todo, sem uma resposta simples”, diz Nazzi. E não é fácil devido à interação de muitos fatores. Embora o vírus das asas deformadas tenha sido descoberto no início do século passado no sul da Ásia, o ácaro parasita que ele usa como vetor só chegou à Europa nos anos setenta, e uma década depois, à América do Norte. Os neonicotinóides, família de pesticidas relacionada ao colapso em massa das colmeias, começaram a ser usados nos anos noventa. Nazzi também cita a deterioração de seus ecossistemas naturais em razão da expansão da agricultura.
Em seu modelo, todas as peças se encaixam e permitem entender "como os diferentes agentes estressantes podem interagir em sinergia para afetar as defesas imunológicas das abelhas”, afirma o pesquisador italiano. "Isso é muito importante, já que as barreiras imunológicas são fundamentais para manter sob controle as infecções virais que podem se tornar destrutivas quando qualquer desses fatores mencionados muda esse frágil equilíbrio, promovendo uma intensa multiplicação do patógeno”, acrescenta.
Para Nazzi, qualquer tentativa de combater o declínio das abelhas tem que enfrentar cada um dos fatores que as ameaçam. Isso vai de tentar controlar os patógenos, sem prejudicar as abelhas, a reduzir sua exposição aos pesticidas e melhorar a gestão da agricultura intensiva.
Fonte: El País

Dente de leite pode ajudar no tratamento do Alzheimer. LEIA!

A polpa do dente de leite possui células-tronco que podem melhorar a qualidade de vida dos pacientes.
A polpa do dente de leite possui células-tronco que, quando retiradas para pesquisa, podem melhorar a qualidade de vida de muitas pessoas que sofrem de doenças degenerativas como o Alzheimer e o Parkinson. O estudo e a utilização desse material podem, ainda, prolongar a vida de doentes terminais.
“A polpa do dente de leite possui uma grande concentração celular além de ser mais fácil de conseguir, uma vez que os dentes de leite caem naturalmente de todas as crianças”, diz Márcia Marques, responsável pelo Laboratório de Pesquisa Básica do Departamento de Dentística da FOUSP. Outra vantagem dessas células é que elas são mais jovens e proliferativas, ou seja, crescem mais rápido e conseguem se transformar em vários tipos de outras células, que funcionam como reparadoras de tecidos, como o muscular e o nervoso.
Mas os dentes permanentes também também têm sua utilidade. “Aqui no laboratório usamos para pesquisas os dois tipos de dentes. O problema com os dentes permanentes é que, algumas vezes, no decorrer de sua vida, eles passaram por lesões ou inflamações e, quando isso acontece, a qualidade de suas células já não é mais tão boa”, diz a especialista.

Como fazer a coleta
Segundo Márcia, o ideal é que a extração do dente de leite seja acompanhada por um profissional. “Nós que já trabalhamos com isso estamos mais aptos a fazer essa coleta que não é tão simples, pois, depois de extraído, o dente deve ser bem limpo e armazenado corretamente. O cuidado deve ser tanto que às vezes até em laboratório pode não dar certo e aí acabarmos perdendo o material”, diz a especialista.
Márcia explica que a pressa e a urgência para armazenar o dente da forma certa ocorre porque os pesquisadores precisam das células vivas. “Quando o dente está na boca, ele possui um tecido vivo que estava sendo mantido por causa da circulação de sangue. Uma vez que ele cai, essa circulação cessa e ele tende a morrer. Por isso é tão necessário que esse armazenamento seja feito da maneira correta e rápido para que se mantenha vivo esse tecido até que a gente consiga congelá-lo ou utilizá-lo”, diz a especialista.
Se essa extração não puder ser feita no consultório, Márcia recomenda que, assim que o dente cair, os pais o armazene em um pote com soro fisiológico, saliva ou leite e corra para o consultório. “É fundamental que o dente permaneça o tempo todo umedecido”, diz Márcia.
Terra

Japoneses têm planos de construir apartamentos submarinos. LEIA!

Os humanos viveriam próximos à superfície e as espirais serviriam para que a correnteza do mar não afetasse a estrutura do edifício.
A construtora japonesa Shimizu Corp revelou que planeja construir apartamentos submarinos. As informações são do jornal The Independent.
Segundo a publicação, o imóvel chamado "Espiral Oceânica" abrigaria cinco mil pessoas e incluiria centros de pesquisa para a escavação em busca de fontes de energia alternativa.
A estrutura seria esférica e ficaria localizada a cerca de 500 metros de profundidade. De lá, um caminho em espiral faria a conexão com o centro de escavação aproximadamente três a quatro quilômetros abaixo. O caminho espiral teria 15km.
Os humanos viveriam próximos à superfície e as espirais serviriam para que a correnteza do mar não afetasse a estrutura do edifício. Segundo a construtora, o projeto deve custar cerca de R$ 65 bilhões e não tem prazo para ficar pronto.

Terra

Polícia localiza corpo de jovem que aparece sendo executado em vídeo. LEIA E VEJA!


A Polícia Civil localizou nesta terça-feira (25) o corpo do jovem Marcos Vinícius Monteiro Caixeta, 18 anos, que aparece em um vídeo sendo executado em uma estrada de terra. A vítima estava no Instituto Médico Legal (IML) de Anápolis, a 55 km de Goiânia, como indigente desde o dia do crime. O suspeito de cometer o crime é um menor de 16 anos que guardava as imagens do crime no celular e foi apreendido ao fazer manobras arriscadas em uma motocicleta, em Goiânia. À polícia, o adolescente confessou o ato: “Eu que matei ele. O crime cobra caro. Enquanto uns matam, outros morrem”.
O reconhecimento da vítima foi feito pelo delegado Kleyton Manoel Dias, da Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) e pelo menor apreendido. A identificação se baseou nos traços do rosto e nas roupas que estavam no corpo encontrado no IML, que eram as mesmas usadas pela vítima no momento do crime, cometido no último sábado (22).
O corpo foi encontrado em uma estrada de terra entre Leopoldo de Bulhões e Bonfinópolis por um morador da região que passava pelo local e acionou o IML. De acordo com a polícia, quando o assassinato foi noticiado, o instituto informou da existência de um corpo sem identificação e que tinha as mesmas características da vítima que aparecia no vídeo.
A polícia informou que, após esse reconhecimento feito pelo delegado e pelo menor suspeito de ser o autor do crime, a família será acionada para ir até o IML para também fazer o reconhecimento e retirar o corpo para conseguir enterrar a vítima.
Jovem foi morto a tiros em uma estrada de terra próximo de Senador Canedo, em Goiás (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)Jovem foi morto a tiros em uma estrada de terra
 (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Crime

A polícia só descobriu a execução após apreender o jovem de 16 anos que fazia manobras arriscadas em uma motocicleta. No celular do adolescente havia um vídeo que mostrava todo o crime. Ele e outros dois homens são suspeitos de serem os autores do homicídio.

No vídeo, os suspeitos estão no carro com a vítima. O trio zomba do rapaz ao conduzi-lo até o local onde ocorre a execução: “Chegou sua hora. Olha a missão hoje”.
O jovem é assassinado em uma estrada de terra, próximo a Senador Canedo, na Região Metropolitana de Goiânia. Após atirar, o adolescente ainda pisa na cabeça da vítima. Outro criminoso se aproxima de Marcos e atira mais cinco vezes. O menor detido ainda diz: “Desgraçado, vai com Deus”.
Segundo a família de Marcos, o jovem estava desaparecido desde o dia do crime. Uma prima de Marcos, que não quis se identificar, contou que o rapaz é usuário de drogas. Ela diz que não imaginava que ele pudesse ser assassinado. “A gente quer justiça. Ele não merecia morrer desse jeito, mesmo sendo usuário”, diz a parente.
Militares acreditam que o motivo do crime é o fato de a vítima ter denunciado um criminoso para a polícia. A corporação faz buscas pelo outros dois jovens que aparecem nas imagens. O menor está apreendido na Delegacia de Apuração de Ato Infracionais (Depai). Além de dirigir sem Carteira Nacional de Habilitação, os policiais encontraram com o adolescente porção de crack e cocaína. O assassinato de Marcos será investigado pela Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios.
G1 /GO, com informações da TV Anhanguera

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Aesa conclui desobstrução do curso do Rio Condado, em Conceição no Sertão da Paraíba. LEIA!

A Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado da Paraíba concluiu nesta terça-feira (25) a desobstrução do rio Condado, no município de Conceição, no Sertão paraibano.
O trabalho durou 15 dias e retirou barramentos de pedras, bancos de areia, cercas e capim que impediam a passagem da água.
De acordo com diretor de Gestão e Apoio Estratégico da Aesa, Chico Lopes da Silva, 15 homens trabalharam diariamente ao longo dos 21 quilômetros de extensão do rio.
“Com o apoio do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado, utilizamos máquinas retroescavadeiras e caçambas para retirar todo tipo de entulho que atrapalhava o curso, permitindo que a água atenda outros usuários ao longo do rio Condado e até do rio Piancó”, comentou o coordenador da equipe de campo.
Além do DER, a Aesa contou com o apoio do Ministério Público. O promotor da cidade de Conceição, Ernani Lucas Nunes de Menezes, convocou os proprietários das áreas que seriam liberadas e pediu a colaboração no cumprimento das determinações da Aesa. “Algumas pessoas estavam vendo o rio como um bem privado pelo simples fato dele passar por dentro de sua propriedade. Esclarecemos a necessidade de tratá-lo como um bem público que precisa ser utilizado de forma que não prejudique os outros agricultores”, alertou o promotor.
“A água que saía da comporta do açude de Condado estava sendo represada. Explicamos que essa contenção impedia que ela fosse utilizada pelos demais usuários do próprio município”, acrescentou Chico Lopes.
No último dia 17, outra equipe comandada pelo setor de Gestão e Apoio Estratégico da Aesa começou a desobstrução no curso do riacho Bruscas, que percorre os municípios de Curral Velho e Boa Ventura. O objetivo é permitir que a água alcance o maior número de usuários e alcance a confluência com o rio Piancó. A previsão é de que a limpeza seja concluída no próximo mês.
Secom

Em 1 ano e 9 meses, veja o montante em dinheiro que os prefeitos de Itaporanga, Piancó e Conceição movimentaram. LEIA!

Entre janeiro e dezembro de 2013 e janeiro e setembro deste ano, ou seja, em 21 meses, os prefeitos dos três principais municípios do Vale (Itaporanga, Conceição e Piancó) movimentaram uma expressiva soma financeira, que passa dos 145 milhões de reais.
No período, a Prefeitura que mais movimentou recursos foi Piancó: em números redondos, o município girou 55 milhões de reais.
Depois, vem a Prefeiura de Itaporanga, que movimentou, nos 21 meses referidos, quase 46 milhões de reais. Com o terceiro maior movimento financeiro aparece o município de Conceição, com 44 milhões de reais movimentados.
Esse volume é resultado de repasses reguluares,a exemplo de FPM, educação, saúde e outros, e também do recebimento de dinheiro proveniente de convênios e programas federais. Isso explica porque Piancó tem um movimento financeiro bem acentuado em relação aos demais municípios regionais: nos últimos dez anos, a Prefeitura piancoense fechou várias parcerias com o Governo Federal e também atraiu vários programas.
Folha do Vale

Poluição provoca morte de peixes no rio do Cabelo, em João Pessoa. LEIA!

Peixes foram encontrados mortos em rio de João Pessoa (Foto: Rizemberg Felipe / Jornal da Paraíba)Peixes foram encontrados mortos em rio de João Pessoa (Foto: Rizemberg Felipe / Jornal da Paraíba)
Um grande número de peixes foram encontrados mortos no início da tarde desta quarta-feira (26) nas margens do rio do Cabelo, no Distrito Industrial de Mangabeira, em João Pessoa.  De acordo com a diretora da Divisão de Fiscalização da Seman, Socorro Menezes, a morte se deve ao baixo nível de oxigênio na água, que está apresentando menos de 1 miligrama do gás por litro.
Técnicos da Secretaria de Meio Ambiente (Seman) e a Polícia Ambiental foram enviados ao local para coleta de amostras da água do rio. O resultado das amostras, de acordo com Socorro Menezes, apresentou que a concentração de oxigênio no trecho do rio é de menos do que o necessário, já que o valor mínimo necessário para a manutenção da vida dos peixes é de 2 mg/l.
Socorro explicou que a poluição do rio Cabelo vem provocando a redução da concentração de oxigênio da água, porém ainda não é possível avaliar se a alta presença de poluentes se deve à proximidade do rio com o Distrito Industrial de Mangabeira.
"A nascente do rio está situada por trás do presídio Silvio Porto e já constatamos que a poluição começa nesse ponto", disse ela. Uma força-tarefa com equipes da Seman deve ser montada para encontrar a origem da poluição do rio. "Esperamos que, assim, possamos devolver ao rio as condições mínimas para presença de vida e evitar a morte de peixes e outros animais", concluiu.
G1 PB