Plantão

Compre no AMAZON

Os Melhores Preços no AMAZON

05 julho 2021

"Se você soubesse o que eu tenho"; veja vídeo!



Nesta segunda-feira (05), o assunto do dia foram as revelações feitas pelo presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais.

As publicações do presidente, que dão a entender estarem sendo usadas técnicas cubanas de chantagem para manipulação do panorama político nacional, intrigaram os internautas:

“Vamos supor uma autoridade filmada numa cena com menores (ou com pessoas do mesmo sexo ou com traficantes) e esse alguém (‘Daniel’) passe a fazer chantagem ameaçando divulgar esse vídeo”, escreveu o presidente.

Logo em seguida, Bolsonaro postou uma foto do livro ‘A vida secreta de Fidel’, de Juan Reinaldo Sanchez, em que aparece o trecho grifado:

“Melhor que os estrangeiros tenham isso bem claro: em Cuba, ninguém escapa da vigilância da segurança de estado, o G2. Vários hotéis de Havana são dotados de quartos especialmente preparados pela técnica que ouve a conversa e filma as intimidades de alvos dignos de interesse, como empresários, políticos, professores universitários, profissionais da cultura, jornalistas, personalidades da arte das letras”.

E completou, com outra publicação:

“Parece que isto está sendo utilizado no Brasil, importado de Cuba pela esquerda, onde certas autoridades tomam decisões simplesmente absurdas para atender ao chantageador (‘Daniel’)”.
“ - Quando nada têm contra seu alvo principal, vão para cima dos filhos, parentes e amigos do mesmo.
- Inquéritos e acusações absurdas… Daí quebram sigilos, determinam buscas e apreensões, decretam prisões arbitrárias, etc…”, apontou ele.

O advogado Luan Amâncio comentou a repercussão das revelações e a possível ligação do assunto à José Dirceu, que em 1967 era conhecido pelo codinome ‘Daniel’, e que aparece em um vídeo recentemente divulgado na internet afirmando:

“Se você soubesse o que eu tenho, aonde eu estou, em outras campanhas, vocês não diriam isso”.

Confira:

“Será que dá para entender o porquê de algumas decisões serem totalmente ‘enviesadas’ dentro do Supremo Tribunal Federal?
A forma como as coisas são resolvidas aqui, no nosso país, é assim, na base da chantagem”, comentou Amâncio.

Confira:

Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário: