Últimas Notícias

Jovem vem ficar com irmão vítima de tiro acidental em Santa Inês e morre em acidente; irmão não resiste e também morre

Uma tragédia transformou a vida de uma família em tristeza, na cidade de Santa Inês, na região do Vale do Piancó. 

Dois irmãos, Kayki Silva e Jassiara Silva morreram no intervalo de três dias. 

Ele havia sido vítima de um disparo acidental de espingarda, praticado por um primo e faleceu nesta quinta-feira (2), fato ocorrido no sítio Sobrado, onde a família reside. Já a irmã morreu na última terça-feira (3), quando viajava do estado do Piauí para ficar com o irmão no hospital de Campina Grande, onde ele estava internado.

De acordo com informações de amigos da família, Jassiara Silva, de 23 anos de idade estava vindo do estado da Bahia para ficar com o irmão no hospital de Campina Grande, onde ele estava internado, quando ocorreu o acidente envolvendo o veículo em que ela estava e dois caminhões, causando a sua morte. Além da jovem, outras duas pessoas que se encontravam no veículo.

Ainda de acordo com informações de amigos, nesta quinta-feira (2) Kayki Silva não conseguiu se recuperar dos ferimentos do disparo da espingarda e acabou também falecendo.

Uma família em pranto. O pai ‘em tempo de enlouquecer’, as outas duas irmãs desesperadas e uma mãe sem chão, com a alma espedaçada, sem aparente vida. Esse é o retrato atual dessa família, que perdeu dois membros em função de duas tragédias, uma relacionada diretamente com a outra.  

Relembre o caso do tiro sofrido pelo irmão

Um adolescente de 15 anos de idade foi atingido com um disparo de espingarda bate bucha, na região do rosto, fato ocorrido por volta das 15h, desta sexta-feira (26), no sítio Sobrado, localizado no município de Santa Inês. O autor do disparo teria sido um menor de 13 anos de idade.

De acordo com informações, confeccionados no Boletim de Ocorrência da 2ª Companhia de Polícia Militar de Conceição, a vítima e o suspeito brincavam no terreiro da residência, quando a arma disparou acidentalmente e atingiu a região do rosto do menor.

A vítima foi socorrida para o hospital e Maternidade Caçula Leite, em Conceição, de onde precisou ser transferida para a cidade de Patos, em função da gravidade dos ferimentos.

Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência confeccionado pela 2ª Companhia de Polícia Militar, uma viatura foi até o sítio onde ocorreu o disparo, mas quando a viatura chegou ao local o suspeito havia se evadido de casa e tomado rumo ignorado.

Aos policiais, a mãe do menor informou que ele teria ficado assustado com o ocorrido e saiu do local, tomando rumo ignorado.

A mãe e o proprietário da arma foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Itaporanga, onde prestaram maiores informações a cerca do ocorrido e foram liberados.




Vale do Piancó Notícias

Comente aqui com o Facebook: