Últimas Notícias

sábado, 21 de março de 2020

Estado da Paraíba poderá requisitar unidades de saúde privadas para atender casos de coronavírus

O governador João Azevêdo editou um decreto com novas regras para auxiliar no combate ao novo coronavírus. O documento será publicado na edição deste sábado (21) do Diário Oficial do Estado e prevê a utilização de unidades de saúde privadas para o tratamento de pessoas diagnosticadas com o covid-19. O governador leu o decreto que diz que "ficam autorizadas as requisições administrativas de unidades de saúde e leitos que sejam necessários para enfrentamento ao surto do coronavírus".


Em live transmitida pelas redes sociais, João Azevêdo comentou que "quando todos os recursos do Estado, e nós esperamos que não ocorra, estiverem esgotados, nós poderemos requisitar todas as unidades de saúde privadas para atender o povo da Paraíba".

Além desta medida, o decreto também prevê o fechamento de bancos, casas lotéricas, restaurantes, bares, academias, shoppings, lojas e outros estabelecimentos em cidades onde já existam casos confirmados de coronavírus. De acordo com João Azevêdo, "lanchonetes, restaurantes e serviços congêneres poderão funcionar por meio de serviço de entrega".

Até esta sexta-feira (20), a Paraíba registra apenas um caso confirmado de coronavírus, na cidade de João Pessoa. Já os cultos, missas e outras cerimônias, serão suspensos a partir do próximo domingo (22).

No Porto de Cabedelo será suspenso o desembarque da tripulação de navios de carga. A frota de transporte intermunicipal também será alterada e, neste fim de semana, não funciona nas regiões metropolitanas de João Pessoa e Campina Grande.



ClickPB

Comente aqui com o Facebook: