Plantão

"Ame o bem, odeie o que é mal"; Por João Filho



Reformulando algumas "regras" de convivência e fugindo ao "politicamente correto." 


"Faça o bem a quem te faz bem. Faça o mal... a ninguém!"  


Ame também os distantes... Os próximos todos já dizem amar, embora grande parte dos crimes sejam cometidos por pessoas "próximas": marido/mulher, "amigos", colegas de trabalho, vizinhos etc...


Ainda sobre amar... Ame-se, pois o amor a si mesmo é condição primeira para que possa amar o próximo! ("Ame o próximo como a ti mesmo", lembra?)


É preciso odiar o mal... não quem é mal, ou seja, quem pratica o mal não precisa ser odiado por você... Mas, algo é extremamente necessário: afaste-se desse tipo de gente! 


Sim, e quando for VOTAR (escolher quem será seu representante, seja no Executivo (Prefeito, Governador ou Presidente da República), seja no Legislativo (Vereador, Deputado Estadual, Federal ou Senador), NÃO VOTE EM QUEM JÁ TE ROUBOU! 


A possibilidade de quem já te roubou voltar a rouba-lo (de novo) é muito grande!


Infelizmente, o sistema prisional brasileiro é péssimo em mudar os hábitos dos criminosos que lá são enclausurados com o objetivo de serem ressocializados. Não raro, saem pior e mais "escolarizados no crime".  É só olhar seu discurso que fica claro que o cabra nada mudou! 

Enfim, não se faça de idiota... VOCÊ SABE A QUEM ME REFERI, por último!! rsrsrs


Por João Filho

Nenhum comentário: