Plantão

Deputado Federal lamenta soltura de chefe do PCC pelo STJ: "Nunca mais vão prender esse cara", Ouça!

 


"A absurda soltura do 'Gordão do PCC'. Dia muito triste para a segurança pública. Mais um criminoso teve a prova de que o crime compensa no Brasil. Precisamos inverter esse jogo. Traficantes precisam de penas exemplares para que o Brasil deixe de ser corredor para as drogas."

Com este tuíte, o deputado federal Capitão Derrite publicou um vídeo em que detona a decisão da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça pela soltura do traficante Fábio Dias dos Santos, de 35 anos, conhecido como Gordão do PCC, e apontado como um dos principais líderes da facção que atua dentro e fora dos presídios de São Paulo.

Ele deixou o presídio de Presidente Venceslau na última sexta-feira (26), dia em que o habeas corpus foi concedido e, segundo o deputado, muito provavelmente deve ‘desaparecer e nunca mais ser encontrado’. O parlamentar lembrou o caso envolvendo outro chefe da facção criminosa, André do Rap, solto em outubro de 2020 pelo, então, ministro do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello, e considerado foragido da justiça.

“Mais um que a justiça solta, estava na lista da Interpol de 52 países, e o que o STF fez? Liberou ele, como se fosse uma vítima da sociedade. Sabe quando vai achar esse cara de novo? Nunca mais, porque esse cara vai sair do Brasil. Infelizmente o Primeiro Comando da Capital já extrapolou as fronteiras do nosso país, eles tem contato direto com narcotraficantes. O que precisamos ter aqui, são leis que punam severamente esse tipo de criminoso e façam com que o poder judiciário fique engessado, e não realize um desserviço”, ressaltou, Capitão Derrite.

Enfim, a pergunta "onde está André do Rap?", logo será acrescida de "onde está o Gordão do PCC?".

Quem sabe, alguns partidos políticos financiados pelo tráfico internacional, não possam responder!

Veja o vídeo

  • Jornal da cidade online

Nenhum comentário: