Plantão

Compre no AMAZON, o Site mais seguro mundo!

Os Melhores Preços no AMAZON

28 junho 2021

"Vamos tomar o poder, que é diferente de ganhar uma eleição", a frase macabra de José Dirceu; Veja o vídeo



O que vivemos hoje não é nada normal dentro de um estado democrático. Vivemos uma ditadura, mas não é do judiciário pois poucos destes ditadores se preocupam com as leis. É uma ditadura que usa toga; uma toga mais para fantasia de carnaval do que legitimação. Uma capa preta ao estilo Tenório Cavalcante. Basta ver a pose de “Nosferatu o vampiro” do Moraes.

Extrapolam todos os limites, libertam criminosos, "anulam" provas, escondem processos, prendem e arrebentam. Exigem, em prazos exíguos, respostas do governo sobre as coisas mais absurdas. Típico da babaquice de quem quer demonstrar força.

Dão aval para que tiranetes abusem restringindo os direitos individuais, em nome de uma "ciência" sem demonstrações e cujos experimentos (Lockdown) demonstram sim ineficácia, mas que são repetidos à exaustão. Exaustão do povo pois, as mordomias dos tiranetes perduram.

Invadem a relação médico-paciente, proíbem tratamento e, incrivelmente, afirmam que nada pode ser feito a não ser esperar um milagre. Querem, mas não querem o fim da pandemia. Pandemia de uma doença que nenhum deles contrai. E se contraem usam todos os recursos medicamentosos que sonegam à população. Ironicamente, uma gente do tipo do Barroso, que se consultava com João de Deus; em atendimentos “sem comprovação científica” afinal, todo doente tem o direito de buscar o tratamento que lhe aprouver. Ou não? Não para os pobres mortais. Os pobres mortais não podem usar nem remédio pra malária, tampouco um inocente vermífugo. Os ricos usam o curandeirismo que lhes satisfaz. De mãos dadas com o charlatanismo, aconchegados pela vigarice.

Mas, você? Ai de você se pedir o tratamento precoce para um médico, desses novinhos, recém saídos da escola doutrinária, onde os colegas marxistas e o professor militante disse pra servir à revolução.

Enfim, vivemos uma ditadura. Com todas as nuances de uma ditadura. Ninguém sabe mais nada sobre justiça, bandidos julgam no Congresso em CPIs teatrais, pedem e são atendidos pelo STF, são blindados - inclusive para exploração de comunidades, tráfico etc.

"...um STF acovardado..." (disse ameaçadoramente Lula)

Suspeito que não existe um ditador propriamente dito.

O STF é, hoje, uma lata de lixo. Nenhuma pessoa normal se conforma com o que acontece naquele antro. Mas, suspeito que recebem ordens de fora. De um grupo criminoso camuflado em partidos políticos.

É um grupo sim. Um grupo de criminosos que se escondem sob um manto ideológico.

Não têm ideologia nenhuma. São criminosos simplesmente. Roubaram e usam muito do dinheiro roubado como um investimento futuro para manutenção do poder e continuidade da roubalheira. Escravizando o povo.

Aparelharam todo o Estado e usam de chantagem, para obter o que desejam, de quem não faz parte da cúpula. Ou vocês creem que muitos dos envolvidos no legislativo e no judiciário tomam certas decisões por convicção ?

Claro que os chantageados não são vítimas. Sofrem chantagem, pois seus desvios são graves.

Criminosos usam todos os artifícios do crime: como corrupção, coação e chantagem. Ou vocês acham que os hackers especializados em escutas políticas são autônomos?

Foram hackeados políticos, ministros do STF, mas só as conversas do Moro foram divulgadas. As outras estão nas gavetas do Dirceu, do Lula e restante dos chefes da quadrilha.

Quadrilha envolvida, provavelmente, até em assassinato. Ou vocês têm dúvidas do envolvimento dessa gente nos assassinatos de Celso Daniel, Toninho do PT, até de Mariele? Ou você acha que Freixo e sua corriola deixou de tocar no assunto por acaso? Ou você acha que defendem bandidos à toa?

É evidente qual foi a mão que conduziu o idiota-útil Adélio.

Em todos os crimes políticos, homicídios, corrupção, tráfico de drogas, escutas ilegais, chantagem, abuso de poder, existe alguém de camisa vermelha. Com uma estrela de cinco pontas, um sol ou uma foice e martelo. Pode ter um tucano e outros adornos que rigorosamente não faz diferença. Emblemam a mesma quadrilha.

Uma organização criminosa perversa. Uma verdadeira máfia. Conduzida por sociopatas, frios e sanguinários.

Claro que para manter o poder, necessitam de massa de manobra, formada por:

Idiotas úteis - estudantes, militantes de rua e redes sociais, indigentes usados em guerrilha urbana como Black blocs, sem teto, sem terra e outros vagabundos que nada tem a perder.

Assassinos comuns - mantém a sociedade refém, acuada e focada na própria insegurança.

Corruptos - que atendem aos interesses da máfia. São políticos, funcionários públicos, jornalistas, por exemplo.

Financiadores - empresários que supõem ter o controle, não têm, mas se contentam em ter seus interesses financeiros atendidos.

Máquina de propaganda - empresários da mídia tradicional que, da mesma forma servem à quadrilha.

Tudo indica que o próximo passo é consolidar as fraudes nas eleições. O voto é mera maquiagem para o arbítrio. Assim como na Venezuela, em Cuba, na China, na Rússia...

Nossa esperança reside na sabedoria popular:

"Não há mal que sempre dure, não há dor que não se acabe."

Lutar pelo que acreditamos ser o certo, é uma missão divina. Dura, que exige coragem, perseverança e fé.

Que Deus nos ajude.

Ricardo Barbieri

Veja o vídeo:

  • Jornal da cidade online

Nenhum comentário: