Plantão

Compre no AMAZON

Os Melhores Preços no AMAZON

14 junho 2021

Fecha tudo dos Governadores e Prefeitos; Comerciantes de portas fechadas pedem indenização por lockdown



A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), na última quinta-feira (10), entrou na Justiça com ações civis públicas em 26 estados, mais o Distrito Federal, e nos 275 municípios em que tem associados. Na ação, a Abrasel exige indenização dos governantes locais (governadores e prefeitos) por reparação da imposição de lockdown.

“O Estado impôs uma regra, o fechamento, e essa imposição trouxe perdas. Então, ele é responsável”, declarou Paulo Solmucci, presidente da Abrasel.

Em um levantamento feito recentemente pela Associação, estima-se que 40% dos restaurantes especializados em comida a quilo tiveram que fechar suas portas por consequência das medidas impostas de lockdown. Antes da pandemia, o Brasil possuía aproximadamente 200 mil estabelecimentos nesse setor, porém, hoje, o número se encontra por volta dos 120 mil.

Além dos restaurantes de comida a quilo, a Abrasel também apontou que, somente na capital paulista, 12 mil bares e restaurantes tiveram que fechar suas portas. Segundo a Associação, 400 mil pessoas perderam seus empregos nesse setor.

“Podemos observar o dano que causou essa política do fique em casa, que na época falavam que estavam preocupados com a saúde das pessoas. Esse setor sofreu extremamente, a Abrasel está de parabéns”, comentou o analista políticos Carlos Dias, durante o Boletim da Noite de sexta-feira (11).

“Eu achei interessantíssimo e aplaudo com muito vigor, está na hora do cidadão, das organizações civis do país, que essas, sim, representam os trabalhadores, os empresários, pessoas que trabalham. […] Tem que processar, sim, esses prefeitos e governadores que quebraram suas empresas”, concluiu Carlos Dias.



Terça Livre

Nenhum comentário: