Plantão

Compre no AMAZON, o Site mais seguro mundo!

Os Melhores Preços no AMAZON

29 junho 2021

Em almoço no Leblon, Barroso sente a ira popular e leva reprimenda de mulher: "Estamos de olho em você"



Luís Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), acabou sendo surpreendido ao ter que ouvir a opinião de uma mulher sobre o seu posicionamento contra o voto impresso auditável, durante um almoço em um restaurante no Rio de Janeiro.

Enquanto almoçava com sua filha, Luna Barroso, o ministro, que já deixou claro ser contra a implantação do voto impresso no Brasil,foi constrangido por uma mulher, que não foi identificada, ao ser cobrado sobre o assunto.

A situação foi exposta pela filha de Barroso, a advogada Luna, em uma conversa no WhatsApp:

“Medo do que vai acontecer com o Brasil em 2022. Vocês não têm noção que eu estava almoçando com meu pai no Sushi Leblon. Uma mulher levantou e começou a gritar:
'Estamos de olho em você, hein ministro! Voto impresso! Nunca mais vai almoçar no Rio de Janeiro se não tiver voto impresso'”, escreveu Luna, que presenciou a cena.

O presidente do TSE preferiu comentar o ocorrido salientando as divergências de opinião, minimizando o episódio:

“Uma senhora manifestou-se a favor do voto impresso com algum grau de exaltação. Nada demais. Estava longe e nem ouvi direito. Democracia é assim, todo mundo tem o direito de se manifestar. Uns com mais educação, outros com menos”, disse ele.

Barroso já se pronunciou contra a PEC do voto impresso por diversas vezes, chegando a dizer que a implementação do sistema seria a ‘volta ao tempo de fraudes’.

Veja a mensagem da filha de Barroso:

Nenhum comentário: