Últimas Notícias

quinta-feira, 18 de junho de 2020

Volume de serviços na PB cai 19%, quinta maior redução do país

A Paraíba registrou a 5ª maior redução do país no volume de serviços, em abril, no comparativo com março, de acordo com a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatítica (IBGE) nesta quarta-feira (17). 
A queda de 19,2% foi o pior resultado da série histórica, iniciada em janeiro de 2011. O indice estadual ficou bem abaixo da média nacional, de -11,7%.

Essa também foi a terceira retração consecutiva no setor paraibano, que já havia recuado 2,8% em fevereiro e 5,7% em março. Em abril e no mês anterior, os resultados demonstram a forte influência das medidas de isolamento social, estabelecidas em todo o país, para conter o contágio da Covid-19.

A PMS aponta, porém, que os efeitos da pandemia do novo coronavírus não foram sentidos apenas pelo setor na Paraíba. Reduções no volume de serviços foram observadas em quase todo o Brasil, com quedas nos indicadores em 26 das 27 unidades da federação. O Mato Grosso foi o único estado que apresentou variação positiva, de 9%, devido ao aumento do transporte ferroviário de cargas, para escoamento da produção de grãos, e pelo peso do setor de transportes na região.

A receita nominal arrecadada pelas atividades de serviço na Paraíba também apresentou forte redução no mês pesquisado, de 19,3%. Esse foi o 8ª pior resultado entre as unidades da federação, maior do que média brasileira, de 12,9%, além de ter sido a terceira redução seguida no índice paraibano.

Já no acumulado dos últimos 12 meses, o volume de serviços apresenta variação negativa de 1,1%, ao passo que a receita nominal variou 0,6%. Nacionalmente, os índices são de -0,6% para o volume de serviços e de 2,3% para a receita.



Portal Correio

Comente aqui com o Facebook: