Últimas Notícias

sexta-feira, 14 de junho de 2019

Cirurgião dentista natural de Olho D' água-PB, que estava em estado de miséria na capital recebe ajuda de colegas

Um vídeo divulgado nas redes sociais desde o último domingo (09) vem ganhando grande repercussão em todo o Estado da Paraíba, e em especial dentro da classe dos cirurgiões dentistas. O vídeo retratou a vida do jovem Leandro Rodrigues Guimarães, bacharel em odontologia de apenas 28 anos, natural da cidade de Olho D'água, no Sertão da Paraíba.

As imagens são chocantes, mostrando o barraco feito no Bairro de Mandacaru e as condições desumanas que o jovem se submeteu para não morrer pelas ruas da capital, João Pessoa. No vídeo, o jovem conta como está vivendo depois que se formou e perdeu a única pessoa que lhe garantia um sustento, o seu pai. Leandro falou que sonha em ajudar a mãe dele, e que está desempregado. 
Formado pela UNIPÊ, depois de ter iniciado o curso nas Faculdades Integradas de Patos, o jovem disse que resolveu morar na Capital e que estava vivendo em estado de miséria em busca de uma oportunidade de emprego.
Comovidos com as imagens, profissionais da área de formação do jovem, resolveram ajudá-lo e oferecer uma nova vida a Leandro, como fez o cirurgião dentista Cássio Gadelha, que foi contemporâneo de faculdade do jovem de olho D'agua do Sertão da Paraíba.
Cássio que possui forte influencia nas redes sociais, convidou amigas e foi até o local onde estava abrigado o jovem Leandro, oferecendo um novo abrigo, roupas e uma nova vida. Em seu Story no Instagram, Cássio registou todos os momentos da visita e provocou muito choro para quem assistiu, com seu gesto humano e solidário, ao ver Leandro contando como tem vivido nos últimos tempos.
A história de Leandro deverá ganhar mais repercussão ainda nas próximas horas, já que famosos do Instagram, a exemplo de Rafael Cunha e Gessica Kayane já estão compartilhando os vídeos em busca de ajudar o jovem.
Para assistir os vídeos do Story do Instagram de Cássio Gadelha, CLIQUE AQUI

 Diamante Online

Comente aqui com o Facebook: