Últimas Notícias

segunda-feira, 22 de abril de 2019

Tiro no pé de Dias Toffoli vai doer em Lula

A matéria da revista Crusoé que explorava o envolvimento do presidente do STF, Antônio Dias Toffoli, nos e-mails da Odebrecht pouco tinha repercutido. Mesmo entre os obcecados pelo noticiário político, poucos tinham destinado atenção à matéria.

Não fosse a censura imposta ao veículo e o inquérito absolutamente absurdo e ditatorial aberto de ofício pelo ministro, é provável que o assunto dos emails já começasse a esmorecer.
Porém, com a atitude pouco inteligente de Toffoli, a repercussão não só da matéria, mas as exigências de todos os setores da sociedade para o esclarecimento do caso se agigantaram.

Por sua vez, a divisão que o caso trouxe dentro do STF, isolando os ministro Alexandre de Moraes e Dias Toffoli do restante do colegiado pode ter fim trágico para Lula.

Dirigentes e parlamentares do PT avaliam que a “cisão” deve impossibilitar um novo julgamento da prisão em segunda instância, adiado pela última vez no dia 10 de abril e até então se nova data. Tudo em função da animosidade criada entre os ministros pelo barraco inconstitucional armado por Toffoli e Moraes.

Sem o julgamento, é mais uma porta da prisão que se fecha pelo lado de fora para Lula. Os otimistas podem ver nisso um copo meio cheio, o lado bom da medida autoritária da dupla censora.


Comente aqui com o Facebook: