Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

quarta-feira, 13 de março de 2019

TRAGÉDIA: Atiradores encapuzados matam alunos e funcionários em escola de São Paulo, depois tira a própria vida

Dois adolescentes encapuzados mataram oito pessoas e feriram ao menos 15 em uma Escola localizada em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo. De acordo com a Polícia Militar, eles estavam com máscaras de caveira quando invadiram a Escola Estadual Raul Brasil. 
Sete crianças e uma funcionária morreram ainda no local. Ainda de acordo com a PM, após o atentado, os dois atiradores se mataram.Os nomes das vítimas ainda não foram divulgados.

O Corpo de Bombeiros e as equipes do Samu estão no local e foram chamados às 9h50 para apoiar o atendimento. 

ENTENDA


A Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo, que oferece ensino fundamental e médio e um centro de estudos de língua, sofreu um atentado na manhã desta quarta-feira. 
A escola fica em frente a uma Igreja Messiânica Mundial. O funcionário do templo religioso, Marcos Filho, contou que os tiros foram ouvidos após às 9h, durante o intervalo dos alunos.
“A minha esposa estava aqui de manhã, ela ouviu vários tiros vindos da escola. Nós ficamos bem em frente ao prédio da escola. As crianças começaram a correr”, contou.
Nesse momento, segundo ele, a igreja está tentando prestar assistência a quem chega ao local. “Tem muito bombeiro aqui, muita polícia, helicópteros sobrevoando. Não dá para saber quem é pai e mãe querendo saber dos filhos e quem é curioso”, disse.

GOVERNADOR SE PRONUNCIA

O governador João Doria está em um helicóptero a caminho de lá, junto com o Secretário Estadual de educação, o secretário de Segurança e o coronel Salles. Todos vão falar com a imprensa no local.
Acabo de receber a triste notícia de que crianças foram cruelmente assassinadas na escola estadual Professor Raul Brasil, em Suzano. Até o momento temos informações preliminares. Cancelei toda agenda e estamos a caminho de Suzano p/ acompanhar o resgate e atendimento aos feridos.




Da Redação

Comente aqui com o Facebook: