Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

sábado, 29 de dezembro de 2018

Isabelly de 11 anos não resiste a sessões de hemodiálises e morre

A pequena Isabelly Vieira Frade, de 11 anos de idade, que se encontrava internada na UTI do hospital da Unimed, na cidade de João Pessoa, acometida com o citomegalovírus, um vírus comum que pode infectar a maior parte das pessoas, não resistiu a sessões de hemodiálise para diminuir uma infecção dos rins, adquirida durante o tratamento, e faleceu, na manhã deste sábado (29). 


A insuficiência renal crônica é caracterizada pela perda gradual e irreversível da função dos rins, que são os órgãos responsáveis por filtrar o sangue, eliminando as substâncias que são nocivas ao organismo, como amônia, ureia e ácido úrico. Um dos grandes vilões da doença é a dificuldade em perceber a sua presença.

Além do problema nos rins, adquiridos nos últimos dias, Isabelly era portadora de lúpus, uma doença autoimune, que ocorre quando o sistema imunológico ataca tecidos saudáveis do corpo por engano. Dentre mais de 80 doenças autoimunes conhecidas, o lúpus é uma das mais importantes.

O drama vivido pela criança e pelos seus pais, Anselmo Vieira e Dayana Frade, durante os últimos dias, comoveu toda a população de Conceição, de onde eles são naturais. Diversos amigos se uniram em corrente de oração pela pequena Isabelly, uma menina alegre, amável, carinhosa e meiga, que sofreu desde a sua infância com problemas de saúde, mas que carregou consigo a vontade de viver e a esperança de vencer várias batalhas pela vida.

A doença venceu a vida e a pequena Isabelly faleceu, neste sábado. A tristeza toma conta de familiares, amigos e de várias pessoas, que durante todo o período de tratamento se uniu em corrente de oração pela criança, que não suportou o tratamento e veio a óbito.

O corpo será transladado para a cidade de Conceição, onde será velado e sepultado.



Vale do Piancó Notícias

Comente aqui com o Facebook: