Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Vereador paraibano deixa cargo alegando falta de privacidade

Só foram suficientes menos de três meses para que o vereador eleito da cidade de São Sebastião de Lagoa de Roça, Leandro Lapada (PMDB), a 143 quilômetros de João Pessoa, renunciasse ao cargo. O motivo, segundo o ex-parlamentar, foi para preservar a privacidade dele e de sua família.

Eleito pela primeira vez para um cargo público em outubro do ano passado, Leandro disse saber que a política tirava a privacidade, mas não tanto. Outro motivo alegado por ele para abandonar a vida pública foi o fato de ter que se dedicar mais ao povo do que a sua própria família.
“A família nunca reclamou, mas eu estava dando mais atenção ao povo do que a minha própria família, e pressenti que no futuro isso poderia me trazer problemas dentro de casa”, revelou.

Leandro Lapada disse também que diariamente recebia muitos pedidos da população, que iam desde um botijão de gás a patrocínio para alguma festa ou evento esportivo. “Muitas vezes minha mulher me ligava pedindo para eu comprar algo que estava precisando dentro de casa, então pedia uma pacienciazinha (sic) a ela, dizendo que depois compraria, e na mesma hora aparecia um eleitor solicitando uma ajuda e eu dava”, afirmou.

De acordo com Lapada, o salário líquido de um vereador não passa dos R$ 3,5 mil, após os descontos. Ele revelou possuir um gasto médio de R$ 200 por dia. “Todos os dias eu gastava uns R$ 200, e quando chegava no fim do mês eu tinha gasto R$ 6 mil, só que recebia apenas R$ 3,5 mil”, arrematou.

Leandro Lapada foi o 3º vereador mais votado de São Sebastião de Lagoa de Roça, com 529 votos. Em seu lugar, assumiu o primeiro suplente da coligação, Demar, com 231 votos.



Por Alexandre Freire

Comente aqui com o Facebook: