Plantão

VÍDEO: Pagamento via microchip instalado na pele já é realidade



O holandês Patrick Paumen chama a atenção das outras pessoas quando vai às compras. Ele não precisa usar dinheiro, cartões ou celular. Paumen só aproxima a mão de uma máquina semelhante à de cartões e o pagamento é realizado.


Paumen consegue fazer pagamentos usando a mão porque, em 2019, implantou um microchip na pele. “As reações que recebo dos atendentes das lojas são impagáveis”, disse Paumen, em entrevista à BBC News, publicada na segunda-feira 11. Segundo o homem, o procedimento não é dolorido.


O chip de Paumen foi inserido pela empresa VivoKey, fabricante de implantes. Na época, Paumen propôs à empresa colocar um chip implantável de pagamento, o que foi acatado com sucesso.

O microchip

Há 24 anos, um ser humano recebeu o primeiro implante de um microchip. Contudo, apenas nos últimos dez anos, a tecnologia ficou disponível para ser comercializada.


Walletmor foi a primeira empresa a comercializar microchips no mundo. “O implante pode ser usado para pagar qualquer coisa”, disse Wojtek Paprota, fundador e presidente da companhia, que vende a unidade do produto por cerca de € 200.


De acordo com a Walletmor, o chip pesa menos de um grama, sendo um pouco maior que um grão de arroz. O material que compõe o aparelho é de origem natural, semelhante ao plástico.


Paprota disse que o chip é totalmente seguro, tem aprovação regulatória e que, após ser implantado, funciona imediatamente. O aparelho também não requer bateria. A empresa informou que já vendeu mais de 500 chips.


A tecnologia que a Walletmor utiliza é um sistema de pagamento por aproximação — também usado em pagamentos via celular. Os implantes de pagamento também são inspirados na tecnologia encontrada nos cartões de débito e crédito.



Nenhum comentário: