Plantão

Luan Santana: 'A Iza é a minha melhor companhia, a minha ilha'



Os perfis de Luan Santana nas redes sociais entregam: o cantor está apaixonado. O músico, que começou a rodar o Brasil com a nova turnê Luan City, vive uma história de amor com a modelo Izabela Cunha. Os dois assumiram o namoro em novembro do ano passado e, sempre que podem, estão juntos. 



A modelo, aliás, tem acompanhado o sertanejo durante as viagens de trabalho. Em conversa com o R7, o músico falou da alegria em poder contar com a amada por perto. "Iza vai a quase todos os shows. Para mim, que vivo longe da família, nas estradas, é um presente tê-la comigo. A minha melhor companhia, a minha ilha."



Essa é a primeira relação pública do cantor desde o fim do noivado com Jade Magalhães, em outubro de 2020. Questionado sobre o interesse dos fãs pela vida pessoal e o assédio com a atual namorada, o artista classificou o comportamento como "natural". 



"Nós sabemos que é natural. A partir do momento em que nos tornamos pessoas públicas. A Iza administra muito bem. Ela sabe que é o meu trabalho e as minhas fãs têm um enorme carinho por ela também", completou. 


Retomada dos shows


A expectativa para os próximos shows, segundo o músico, é a melhor de todas. "A cada show parece que é a primeira vez. É como se fosse tudo novo. Até o frio na barriga e a emoção de ver todos e poder estar perto novamente. O olho no olho, o olhar dos fãs é como um bálsamo, nada se compara. O coro que eles fazem acompanhando as minhas músicas. A química entre nós."



De acordo com o cantor, a turnê Luan City foi idealizada para ser como uma cidade. "Como um lugar de alegria, de festa, em que a música tem o poder de mudar tudo. Pesquisamos lugares e eu fui pessoalmente fazer visitas técnicas em vários lugares de São Paulo, até chegar na Vila Itororó, onde projetamos cores, luzes, neon, sonhos, sons, cenas, cenários", explicou.



"A minha ideia é realmente trazer uma nova sonoridade para a minha história. Ter as pessoas envolvidas neste mundo, nesta cidade que a gente criou para percorrer o Brasil, para que tudo seja uma grande festa, uma grande tribo em nome da alegria, da emoção e da energia que compõem o repertório", completou. 


Por Ricardo Pedro Cruz, do R7

Nenhum comentário: