Plantão

Compre no AMAZON

Os Melhores Preços no AMAZON

21 junho 2021

Homem de 41 anos é encontrado morto em via pública, na cidade de Piancó-PB



Um homem, identificado como sendo Eudivan da Silva Fernandes (Bam) de 41 anos, residente na BR-361, filho de Zezinho encanador, morreu neste domingo (20) ao caminhar pela rua Projetada (Rua da UPA) que dá sentido a sua residência, e populares avistaram o corpo ao chão quando acionaram o SAMU. A VTR chegou ao local e tentou reanimar o homem que era portador de Epilepsia e fazia uso constante de álcool. A PM foi acionada e chegando ao local encontrou o corpo. Acionaram familiares da vítima que foram informados sobre o fato e a partir daí se deu a burocracia pois sem o óbito, o corpo não poderia ser removido do local, permanecendo ali desde às 11:45h até o fechamento desta matéria, às 13:40h. Familiares buscaram ajuda da Delegacia de Polícia Civil e o Hospital Wenceslau Lopes, mas não tiveram ajuda pelo fato inusitado.

O que fazer se a morte ocorreu em Via Pública 

Nos casos em que a pessoa morre em via pública, é preciso chamar a polícia. Assim, por morte natural ocorrida em via pública, é preciso registrar um boletim de ocorrência na delegacia mais próxima e aguardar a perícia técnica que acionará, por meio do Cepol, a remoção do corpo para o IML – Instituto Médico Legal. Após a necropsia, o órgão responsável (IML) emitirá a Declaração de Óbito. De posse da declaração de óbito, o familiar se dirige a agência funerária municipal.

Morte natural

Pode se constatar como morte natural, que é aquela decorrente de doença. Nos termos do art 3º da Portaria DGP-14/05, será empregado o título "Morte Natural" para os casos de óbitos aparentemente naturais, porém ausente atendimento atual por profissional de saúde ou inexistente médico a atestar a causa da morte, com a decorrente necessidade de encaminhamento ao Serviço de Verificação de Óbito.

A Polícia Militar está no local, buscando orientar a família e resguardando o corpo que ainda se encontra no meio da rua, coberto.


O Blog de Piancó

Nenhum comentário: