Plantão

Compre no AMAZON

Os Melhores Preços no AMAZON

21 maio 2021

Jonathan e namorada são indiciados no caso do homicídio de Patrícia Roberta



A investigação do homicídio da jovem Patrícia Roberta, de 22 anos, que foi encontrada morta após vir de Caruaru para visitar um amigo em João Pessoa, já foi concluída. O amigo de Patrícia, Jonathan Henrique, de 23 anos, foi indiciado por homicídio e ocultação de cadáver, enquanto a namorada dele, Ívina Maria Oliveira, foi indiciada por ocultação de cadáver.

Jonathan Henrique já está preso, no presídio do Roger, mas ainda não se sabe se algum mandado de prisão foi expedido para Ívina Oliveira. O caso segue em segredo de Justiça e a imprensa não tem acesso a detalhes.

Relembre o caso:

Patrícia Roberta morava em Caruaru e veio a João Pessoa no último dia 23 de abril para visitar um amigo de infância, Jonathan Henrique. Já no dia seguinte, a jovem se queixou para a mãe em mensagens de Whatsapp que o rapaz havia saído de casa, deixando-a trancada no apartamento. 

Jonathan só retornou no dia seguinte e deu a desculpa de que estaria trabalhando, mas a namorada dele, Ívina Oliveira, contou à polícia posteriormente que eles estavam consumindo drogas numa casa em Mangabeira.

Após avisar à mãe que Jonathan havia voltado, Patrícia afirmou que iria retornar com ele para Caruaru, mas depois disso parou de responder as mensagens e não chegou em casa. A família da jovem veio para João Pessoa procurá-la e acionou a polícia. O corpo de Patrícia foi encontrado no dia 27 de abril, em um terreno por trás do condomínio Geisel Privê, na Zona Sul da Capital paraibana.

Mesmo antes de encontrar o corpo, a polícia teve acesso a imagens que mostravam Jonathan carregando uma pessoa desacordada em uma moto, por isso havia pouca esperança de que Patrícia fosse encontrada com vida.

Como o caso segue em sigilo, não se sabe quais indícios a polícia encontrou de que a namorada de Jonathan, Ívina Oliveira, teria participado da ocultação do cadáver, mas em entrevista concedida por ela na época do crime, ela tentou defender o namorado de todas as formas, chegando a dizer que estava com ele o tempo todo e não viu Patrícia.


Por Bárbara Wanderley

Nenhum comentário: