Últimas Notícias

quinta-feira, 26 de março de 2020

Bancos serão multados se não evitarem aglomerações

Bancos poderão ser multados caso não consigam evitar aglomerações de clientes nos dias de pagamentos de salários. 

O secretário do Procon de João Pessoa, Helton Renê, diz que o decreto estadual para o período de prevenção à disseminação do novo coronavírus é claro em relação à proibição. Ele sugere que as agências organizem um calendário de pagamento para evitar aglomerações, seja por idade ou inicial do nome do cliente.


“Os bancos tiveram tempo e condições suficientes para preparar um plano. Não serão admitidas aglomerações de pessoas. O banco que não não conseguir cumprir o decreto do governo sofrerá penalidades administrativas, como autuação e multa”, informou.

Em nota, o Sindicato dos Bancários pediu as pessoas não se apressem em ir aos bancos. O presidente da entidade, Lindonjhonson Almeida, lembra que, além do risco de contágio com as aglomerações, muitas agências não terão o tradicional atendimento ‘Posso ajudar?’.

Em todo o país cerca de 200 mil bancários já estão trabalhando em casa e a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) prevê que esse número vai aumentar.

“O momento é de ter consciência para evitar a proliferação rápida do coronavírus”, divulgou o Sindicato dos Bancários da Paraíba.

Segurança reforçada
A Polícia Militar divulgou que vai atuar com um reforço específico para garantir a segurança perto das agências bancárias, a partir desta quarta-feira (25), durante o pagamento dos aposentados e pensionistas do INSS. A PM vai aumentar as rondas perto desses locais, com policiais fazendo ‘pontos-base’, e até mesmo ocupando paradas de ônibus que ficam perto dessas localidades. O planejamento operacional leva em conta um mapeamento feito sobre as rotas onde ficam as agências que têm maior fluxo de pessoas, pela quantidade de aposentados e pensionistas.

A demanda policial aumentou nos últimos dias para a verificação de denúncias sobre aglomerações de pessoas. Um estudo do Centro Integrado de Operações Policiais (CIOP) da 1ª Região Integrada de Segurança Pública, que atende a Grande João Pessoa, mostra que houve um aumento de 90,8% das chamadas pelo 190, quando comparado com a média da semana passada, anterior ao decreto que trata do isolamento social.



Portal Correio

Comente aqui com o Facebook: