Últimas Notícias

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Homem é condenado a mais de 43 anos de prisão por estuprar sobrinhos na Paraíba

Um homem foi condenado a 43 anos e nove meses de prisão por ter estuprado três sobrinhos, com idades entre seis e 12 anos, na Paraíba. De acordo com o processo da 1ª Vara Criminal da Comarca de Campina Grande, os abusos foram denunciados em dezembro de 2015.

Uma das sobrinhas do homem condenado viu quando o irmão mais novo, de apenas três anos de idade, saiu do quarto do tio com uma atitude suspeita. Questionado, o tio pediu sigilo sobre o crime dizendo que se tratava de “negócios de homem”.


Após testemunhar a cena, a jovem, que já havia sido abusada sexualmente pelo acusado na infância desde os seis até os 10 anos de idade, contou sobre os abusos para os pais, com medo que o irmão menor também fosse vítima do tio. O pai das vítimas, após saber o que estava acontecendo, denunciou o caso à polícia.

Para a Justiça, o homem negou os abusos. Ele disse que nunca ficava sozinho com as crianças. Contou também que sempre tinha alguém por perto e que nunca frequentava a casa delas porque trabalhava como caminhoneiro e viajava muito.

O desembargador Ricardo Vital considerou os detalhes repassados pelas vítimas para definir a sentença. O homem foi condenado por estupro de vulnerável e no caso de uma das vítimas por atentado violento ao pudor.

Inicialmente, a pena seria de 47 anos de prisão. Após a defesa do acusado recorrer, o tempo de reclusão foi diminuído para os 43 anos e nove meses. Ainda cabe recurso à decisão. 


G1

Comente aqui com o Facebook: