Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Ricardo Barbosa diz que servidores estaduais são forçados a expor apoio

O deputado estadual Ricardo Barbosa (PSB) disse que servidores do Estado estão sendo pressionados a votarem em determinados candidatos que concorrem ao pleito eleitoral deste ano. 

A denúncia foi feita nesta terça-feira (4), na tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB). As declarações foram repercutidas pelo repórter Écliton Monteiro, no Correio Debate, da 98 FM.


Sem citar nomes, Ricardo Barbosa, que é aliado do governador Ricardo Coutinho, disse que chegou a ser aconselhado por alguns deputados aliados a não denunciar o caso. Ele disse que os servidores estão sendo pressionados e sofrendo assédio moral para se posicionarem em direção de algumas candidaturas.

O socialista disse ainda que vai tentar resolver a situação internamente, mas lembrou que tais práticas “são coronelistas, reprováveis e desprezíveis”.

Em nota, o parlamentar falou que suas denúncias não têm a ver com a candidatura de João Azevêdo, de quem é aliado. “Não tem nada a ver com João Azevedo, como alguns jornalistas insinuaram, muito menos com qualquer possibilidade de rompimento com o Governo do Estado, como maldosamente apostaram outros. O que me motivou foi, na verdade, o afastamento de Samara Furtado do cargo de diretora do Hospital de Traumatologia e Ortopedia da Paraíba, o Htop, por suas ligações e apoio à minha candidatura, o que considero inadmissível”, esclareceu.

Segundo Barbosa, todo e qualquer candidato da base aliada do governador Ricardo Coutinho deve ser tratado de forma isonômica, sem que alguns servidores com cargos de comando imponham suas preferências aos subordinados. “Mantenho firme e inabalável a minha convicção de que João Azevedo representa o Melhor para a Paraíba e para os paraibanos”, finalizou.


Portalcorreio

Comente aqui com o Facebook: