Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Ibope pede autorização ao TSE para divulgar pesquisa sem Lula

A decisão de barrar a candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Palácio do Planalto gerou um impasse nos institutos de pesquisa. 

O Ibope enviou, na noite desta terça (4), um questionamento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a possibilidade de divulgar o levantamento, que deveria ser divulgado no Jornal Nacional, da TV Globo, a partir de 21 horas.

O Ibope realizou a pesquisa entre os dias 1º e 3 de setembro. Acontece que a decisão do TSE de acatar a impugnação da candidatura de Lula só foi confirmada no fim da noite de sexta-feira (31), ainda com alguns detalhes acertados só na madrugada de sábado (1). O instituto já havia registrado na Justiça Eleitoral um questionário com o nome de Lula, mas na prática pesquisou apenas o cenário com Haddad. Por isso, há uma divergência entre a pesquisa registrada e a realizada efetivamente.

O questionamento do Ibope está na mesa da presidente do Tribunal, Rosa Weber. Nesse momento, os ministros estão reunidos no plenário da Corte, em uma sessão já marcada previamente. Segundo o TSE, não há previsão de quando sairá uma definição a respeito.

Em nota, o Ibope diz que a pesquisa foi registrada com dois cenários porque Lula ainda não havia sido barrado pelo TSE. “Na manhã de sábado, antes da realização da pesquisa, e para estar de acordo com o julgamento e as determinações do TSE, o IBOPE não pesquisou o cenário com Lula, diferentemente do que constava do registro da pesquisa, aplicando apenas o cenário alternativo, tendo Haddad como candidato. A intenção do instituto é obter o aval do TSE para divulgação do resultado dessa pesquisa, com a mencionada adequação”, explicou o instituto.

O Jornal Nacional anunciou na noite desta terça que aguarda uma decisão do TSE para divulgar ou não a pesquisa realizada pelo Ibope.

O Instituto Datafolha realizaria uma pesquisa a partir desta terça. Mas informou há pouco que cancelou o levantamento para atualização do questionário, retirando o nome de Lula.


gazetadopovo

Comente aqui com o Facebook: