Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Secretário do TRE-PB diz que situação política do país tem afugentado eleitores e 180 mil podem ter títulos cancelados

A 11 dias úteis do final do prazo para cadastramento biométrico na Paraíba, mais de 200 mil eleitores ainda não procuraram a Justiça Eleitoral e podem ter os títulos eleitorais cancelados. 

Até esta quinta-feira (16), 218 mil eleitores ainda não tinham feito a biometria, o que representa 8% do eleitorado paraibano (2,9 milhões).

De acordo com o secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional da Paraíba (TRE-PB), José Cassimiro, se a procura não aumentar, a previsão é que em torno de 180 mil eleitores tenham seus títulos automaticamente cancelados.


O prazo para o eleitor fazer o cadastramento biométrico termina no dia 30 deste mês de novembro, e não haverá prorrogação.

A projeção do tribunal é atingir 80% do eleitorado revisado ainda na semana que vem, segundo informou o secretário ao Portal ClickPB.

“A gente tem condições de atender bem mais eleitores, o problema é que o eleitor não está vindo”, informou José Cassimiro.

A biometria está sendo realizada em 102 municípios paraibanos da Paraíba. Considerando o eleitorado dessas cidades, o percentual que está faltando fazer a revisão chega a 20%.

“O que está afugentando o eleitor é a situação política do país, todo mundo descrente, todo mundo chateado com os políticos. Só que no cancelamento do título, a menor consequência para o eleitor é não votar, porque você pode ter o título e não votar”, explicou Cassimiro, referindo-se a possibilidades como justificar ausência e votar nulo, por exemplo.

Entre os prejuízos do cancelamento do título eleitoral estão a impossibilidade de assumir cargo público, contrair empréstimo em banco público, matricular-se em instituição de ensino público, entre outros direitos.


Clickpb

Comente aqui com o Facebook: