Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Apesar de tudo, partidos teimam na mesma lógica

Pensava-se que com o vendaval provocado pela Lava Jato, gente grande na cadeia e outros tantos com reputações ameaçadas, partidos políticos iriam adotar novas posturas para a eleição de 2018.

Não é o que se vê, ainda. As práticas se repetem. Aqui na Paraíba, assiste-se um festival de filiações sem qualquer critério.

O pior. Partidos protagonizam um duelo e cada um dá seus lances para arrematar o maior número de candidatos. Quase como um grande leilão, sem constrangimento algum.


Lideranças entram no jogo e valorizam suas decisões como passes valiosos. Previamente, dirigentes partidários já fazem as contas de quantos votos cada um dos alvos pode arrebanhar.

Assim mesmo, sem combinar com o povo. Parecem donos de gado negociando o número de cabeças.

Muita coisa mudou, mas eles persistem na certeza de que o eleitor ainda é o mesmo. Estarão certos?



Por Heron Cid

Comente aqui com o Facebook: