Últimas Notícias
Hebergeur d'image

segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Sábado sangrento na Grande JP resulta em 4 homicídios e 3 baleados

Sete pessoas foram vítimas de arma branca e arma de fogo na noite deste sábado (30), nos bairros de Tibiri II, Alto das Populares, Centro de Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa, e no Conde, litoral sul da Paraíba. Das sete vítimas feridas, quatro não resistiram aos ferimentos e morreram.

De acordo com informações da Polícia Militar, um adolescente de 16 anos, que seria usuário de drogas, foi assassinado com um tiro na cabeça na Rua Picuí, em Tibiri. A polícia investiga o motivo do assassinato e os possíveis suspeitos.

Ainda em Tibiri, dois homens foram baleados em um bar. As vítimas foram identificadas como Rogério Félix Saraiva Júnior, 29, e Elilson de Andrade Santos, 31.

Conforme informações, os homens foram atingidos no carro, após saírem do estabelecimento. As vítimas foram levadas para a UPA de Tibiri, de onde foram transferidos para o Hospital de Trauma de João Pessoa.

No centro de Santa Rita, um segurança autônomo de 61 anos foi assassinado a facadas quando estava bebendo perto da Rodoviária da cidade. O idoso estava sentado quando foi surpreendido pelo assassino, que o matou com aproximadamente 20 golpes de faca no peito. Mesmo lutando, o idoso não resistiu aos ferimentos e faleceu antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), que constatou o óbito da vítima no local.

No Alto das Populares, uma mulher de 25 anos foi esfaqueada por outra enquanto bebia em um bar próximo ao ginásio O Renatão. A vítima resistiu aos ferimentos até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, mas morreu enquanto recebia atendimento já na ambulância.

Um jovem conhecido como “Guguinha”, de 32 anos, foi assassinado em sua própria casa no Assentamento dona Antonia, no Conde, litoral sul da Paraíba, com dezoito golpes de faca e um disparo de arma de fogo.

Ferido, o homem ainda conseguiu fugir para a rua, mas caiu ainda próximo a sua casa, onde não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu. O pai da vítima, conhecido como “Del de cabeleira”, também foi atingido por um disparo, recebeu atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e foi conduzido para o Hospital de Trauma de João Pessoa.



wscom

Comente aqui com o Facebook: