Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Nacional de Patos vence disputa de pênaltis e conquista 2ª Divisão

Deu Nacional de Patos na final da 2ª divisão do Campeonato Paraibano deste ano. 

Em partida disputada no estádio Sílvio Porto, em Guarabira, os donos da casa superaram a equipe do Nacional de Patos, que tinha vencido a primeira partida da decisão por 2 a 0, mas após as cobranças das penalidades, a equipe do Sertão venceu por 4 a 2 e pôde soltar o grito de 'É Campeão'.

O jogo começou movimentado com as duas equipes se estudando, mas coube à Desportiva partir pra cima e tentar reverter a diferença do time sertanejo. A tática dá certo. Aos quinze minutos, Fábio abre o placar após receber passe de Ebinho. A torcida vai à loucura e empurra o time.


Para tentar levar a disputa para os pênaltis, a Desportiva precisava de pelo menos mais um gol.

O gol abalou o time do Nacional que pouco produziu em campo.

Percebendo a apatia do adversário, que até então era o único invicto na competição, a Desportiva continua tentando ampliar o placar. Aos 32 minutos, Fábio marca de novo e coloca mais emoção na partida. Com o placar, o jogo estava indo para as penalidades máximas.

Começa o segundo tempo, e o time de Patos tenta se mexer em campo. O Desportiva não consegue repetir a mesma atuação do primeiro tempo, e o Nacional segue tentando.

As duas equipes não conseguem levar perigo ao gol adversário e parecem estar querendo levar a disputa para os pênaltis.

No finzinho da partida, o time do Nacional mudou de goleiro. Sai Carece e entra Diego.

O árbitro apitou o fim do jogo aos 46 minutos. Esta é a primeira derrota do Nacional de Patos na competição. O grande campeão será definido nos pênaltis.

Os dois times participam da 1ª divisão do campeonato estadual no próximo ano.

Pênaltis

Quem começou a cobrar as penalidades foi o time do Nacional com Netinho. O goleiro da Desportiva defendeu a cobrança. Pela Desportiva, Ebinho chutou forte no canto direito do goleiro Diego e marcou o primeiro.

Márcio do Nacional deixa tudo igual com um chute forte no meio do gol. Fábio do Desportiva chuta para fora e coloca o time de Patos novamente na disputa.

Carlos Caaporã deixa o seu após chute forte no cantinho do goleiro. Cleitinho da Desportiva também desperdiça sua cobrança e deixa a torcida na bronca.

Já Nonato, do Nacional, não vacila e marca o seu gol diante. Tiago Bob bate forte e marca para a Desportiva.  Silva do Nacional cobrou com categoria e garantiu o título de campeão à equipe sertaneja, que venceu por 4 a 2 nas penalidades.



Correiodaparaiba

Comente aqui com o Facebook: