Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

sábado, 28 de outubro de 2017

Mulher acusada de mandar matar irmão fica calada durante audiência, na Paraíba

A audiência de instrução dos envolvidos no homicídio do estudante universitário Marcos Antônio Nascimento Filho, que foi morto em uma padaria de João Pessoa em junho de 2016, aconteceu na tarde desta sexta-feira (27) no 2º Tribunal do Júri do Fórum Criminal da capital paraibana.

A acusada de planejar o crime, Maria Celeste de Medeiros, irmã da vítima, ficou em silêncio durante o interrogatório, assim como a sua namorada, Werlida Raynara, sob orientação do advogado delas.


Marcos Antônio Filho, que tinha 28 anos, foi baleado na cabeça no dia 4 de junho de 2016 durante um assalto forjado à padaria que era gerenciada pela família dele, no bairro Jardim Luna, em João Pessoa. Dois homens armados entraram na padaria, renderam os funcionários e clientes, roubaram o dinheiro do caixa e a motocicleta da vítima que foi baleada e fugiram.

A Justiça ainda definirá se os acusados irão responder ao processo em liberdade e se vão julgados em júri popular.



Wscom

Comente aqui com o Facebook: