Últimas Notícias

Veja as Manchetes!

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Após termino de namoro, ex-namorado divulga suposto vídeo íntimo de jovem, no Sertão da Paraíba

Vazou neste final de semana em grupos de whatsapp de todo o Sertão da Paraíba, suposto vídeo íntimo de uma jovem cajazeirense.

Nas imagens, a jovem se filma praticando atos sexuais quando estava sozinha em um quarto. O vídeo ganhou grande repercussão na cidade e dezenas de compartilhamentos nas redes sociais.

Segundo informações de um amigo próximo, a jovem teria feito as imagens e mandado para seu companheiro, mas após o rompimento do relacionamento, o rapaz divulgou o vídeo para sua lista de contatos. 

DIVULGAÇÃO É CRIME

O compartilhamento de material desse tipo, como fotos ou vídeos íntimos, pode ser classificado como difamação (imputar fato ofensivo à reputação) ou injúria (ofender a dignidade ou decoro), segundo os artigos 139 e 140 do Código Penal.


Lei de Crimes da Internet, também conhecida como “Lei Carolina Dieckmann”: sancionada em dezembro de 2012, pune com prisão quem comete crimes digitais e serve como base jurídica para punir quem divulga informações pessoais sem consentimento.

A divulgação de imagens e vídeos de nudez ocorre também com o consentimento da produção do material, porém sem a autorização de divulgá-lo na internet. Quando isso acontece, essa prática é conhecida como ‘pornografia de vingança’ ou ‘sexting’. Em casos extremos após o vazamento de imagens íntimas seguidas de ‘cyberbullying’ já existem registros de suicídios cometidos pelas vítimas devido a exposição vexatória.



Diariodosertão

Comente aqui com o Facebook: