Últimas Notícias

domingo, 16 de abril de 2017

Funasa e CGU condenam obra feita na gestão de Ex. prefeita do Sertão da Paraíba

Relatório elaborado pela Controladoria Geral da União (CGU) aponta um superfaturamento de aproximadamente R$ 4 milhões em obras de saneamento básico no município de Pombal, no Sertão paraibano. 

O documento é referente ao período de gestão da ex-prefeita Pollyana Dutra. Reportagem abordando o problema foi publicada na edição deste sábado (15) do jornal Correio da Paraíba.

A Fundação Nacional de Saúde na Paraíba (Funasa) condenou totalmente as obras de esgotamento sanitário feitas no município e que custaram cerca de R$ 16 milhões.
Em virtude das supostas irregularidades, o calçamento de várias ruas cedeu, causando acidentes, o que já rendeu cerca de 50 ações contra a prefeitura.

Conforme documentos da Funasa e CGU, as obras foram executadas pela Construtora Brasil, com sede em João Pessoa.

Entre as 19 irregularidades apontadas estão: sobreposição de serviços já realizados em outros convênios e cobranças por serviços não realizados. A apuração destaca um suposto conluio entre a prefeitura e a construtora.

O advogado da ex-prefeita, Johnson Abrantes, ressaltou que não existe procedimento judicial contra Pollyana Dutra em relação às irregularidades citadas na reportagem.




MaisPB

Comente aqui com o Facebook: