Últimas Notícias

terça-feira, 4 de abril de 2017

Anvisa proíbe medicamento de combate ao câncer, azeite e clareador dental

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a suspensão de fabricação, distribuição, comercialização ou uso de medicamento para combate ao câncer, azeite de oliva e clareadores dentais. As medidas foram publicadas em edições do Diário Oficial da União (DOU).

Segundo a Anvisa, a suspensão, distribuição, comercialização e uso de nove lotes do medicamento Tevacarbo, foi tomada após a empresa Teva Farmacêutica encaminhar pedido de recolhimento voluntário após constatar o uso de um fornecedor do princípio ativo carboplatina diferente do registrado na Anvisa.


O medicamento é indicado para o tratamento de estados avançados do carcinoma de ovário de origem epitelial e para o tratamento do carcinoma de pequenas células de pulmão,

Com isso, foi determinado recolhimento dos lotes15H28KC, 15H28KK e 16C08MR do Tevacarbo 10mg/ml, 15ml e dos lotes 15C03LA, 15C03LF, 15K10MA, 16A18LD, 16D25OC e 16E12OE do Tevacarbo 10mg/ml, 45ml.

Clareadores dentais

A Anvisa também proibiu a divulgação, comercialização e uso de clareadores dentais Dental White Light, Dental Basall Advanced White Bivolt, Refil Clareador Dental Basall Strips Bivolt e 3D Crest White Whitestrips, ambos da marca Crest.

De acordo com a Anvisa, a medida foi tomada após constatação de ausência de registros sanitários dos produtos, que são comercializados pela internet.

Azeite de oliva

Já o lote 16D18, válido até 4/2019, do Azeite de Oliva Extra Virgem da marca Olivenza foi proibido de ser distribuído ou comercializado pois o produto apresentou resultados laboratoriais insatisfatórios após realização de testes de qualidade que verificaram índices de refração e índices de iodo acima das faixas recomendadas.



Portal correio

Comente aqui com o Facebook: